terça-feira, 22 de maio de 2018

XVIII Jornada de Enfermagem, III Jornada Multiprofissional e I Fórum de Pesquisa da Santa Casa de de Sobral fomenta a disseminação do conhecimento produzido por meio de pesquisas em Hospitais de Ensino

No período de 15 a 17 de maio, aconteceu a XVIII Jornada de Enfermagem, III Jornada Multiprofissional e I Fórum de Pesquisa da Santa Casa de Misericórdia de Sobral. O evento contemplou uma série de atividades científicas, entre palestras, mesas redondas, minicursos e o lançamento do livro Práticas de Ensino, Pesquisa e Extensão no Contexto Hospitalar, além de apresentações culturais, como as performances do grupo de chorinho Lágrima da PS, da UFC, e Samba Apaeano, dos garotos da Apae, entre outros músicos.

Na programação da manhã do primeiro dia (15/05), foram realizados os minicursos: Estudo de Revisão Integrativa (facilitadora Dra. Lídia Lourinho); Busca de Artigos em Dados Confiáveis (facilitadores Dra. Larissa Morais e Dr. David Júnior); Estrutura de Projeto de Pesquisa (facilitadores Dr. Rosemiro Ximenes e Dra. Lidyane Parente), com a participação de estudantes e profissionais da diversas áreas da saúde. À noite, aconteceu a abertura do evento com a palestra "Contribuição da Pesquisa Científica em Hospitais de Ensino",  proferida médico e Professor Dr. Manoel Odorico de Moraes filho, da Universidade Federal do Ceará (UFC).


Dando continuidade às atividades das jornadas, na manhã do dia 16, foi proferida  mini conferência pela Dra. Eva Cristino com o tema: Habilidades de Comunicação e a Ética na Pesquisa. Em seguida, aconteceu a mesa redonda que abordou a Interdisciplinaridade na Pesquisa,  moderada pela Enfermeira Lia Gomes, com a participação da Dra. Ana Kelve (enfermeira), Fonoaudióloga Dra. Lídia Lourinho (fonoaudióloga) e Dra. Hellíada Chaves (odontóloga ).
Ainda no dia 16, à tarde, a Profª. Dra. Maria Corina Amaral Viana deixou sua contribuição com a Mini conferência: Cuidado de Enfermagem Baseado em Evidências. Depois, foi realizada a mesa redonda com o tema: Contribuições da Pesquisa para Assistência, moderada pela Enfermeira Gabriela Miranda, e as participações do Dr. Joaquim David Neto (médico); Dra. Denise Lima Nogueira (enfermeira) e Dra. Izabelly Linhares Ponte (farmacêutico). A manhã do dia 17, último dia do evento, foi contemplada com as experiências exitosas dos participantes da jornada com as apresentações de trabalhos.  
À tarde foi realizado o I Fórum de Pesquisa da Santa Casa, moderado pelo Professor Henrique Linhares. Conforme os organizadores do evento, os momentos conseguiram atingir os objetivos propostos pela programação XVIII Jornada de Enfermagem, III Jornada Multiprofissional e I Fórum de Pesquisa, que é o de fomentar a disseminação do conhecimento produzido por meio de pesquisa no que concerne à gestão, atenção, ensino e pesquisa, bem como a avaliação em Hospitais de Ensino em articulação com a Rede de Atenção à Saúde.
 Registro do Momento















Colaboração: Enfª Gabriela Miranda (DEPE/SCMS)
Fotos: Enfº. Henrique Morais (Residente Multiprofissional/SCMS-UNINTA)

Sobre Dor na Coluna - Dica Clisnf

O repouso na cama já não é o tratamento mais adotado para dor nas costas. Embora minimize a tensão sobre a região lombar, também pode provocar outros problemas. Ficar muito tempo deitado enfraquece os músculos, inclusive os necessários para dar suporte às costas. Algumas pessoas desenvolvem problemas gastrointestinais, como constipação. A inatividade também aumenta as chances de desenvolver coágulos nas veias, causando problemas na circulação do sangue.
Maiores informações: (88)3611-4448.
Na Clinsf você encontra os melhores Fisioterapeutas!
Marque uma consulta: (88)3611.4448.

Primeiro paciente do Plantão Saúde Cirurgia faz consulta e exames



Mardônio Silva, 32 anos, residente em Horizonte, será o primeiro paciente a se submeter a procedimento cirúrgico pelo programa Plantão Saúde Cirurgia, lançado este ano pelo Governo do Ceará. O paciente fez consulta com o otorrinolaringologista, os exames pré-operatórios e em até 15 dias passará por cirurgia no Hospital Nova Saúde, em Fortaleza, para tratar a amigdalite que o incomoda. Além de Mardônio, outros dois pacientes também foram atendidos na manhã desta segunda-feira, 21, no mesmo hospital, Luis Fernando Oliveira, 31, e Naila Barbosa, 21. “O atendimento está sendo de primeira qualidade, a gente está sendo bem recebido aqui na clínica, não só pelo pessoal da clínica, mas também pelo pessoal do governo. 

segunda-feira, 21 de maio de 2018

Residentes Multiprofissionais da Santa Casa realizam ação educativa no Serviço de Neurologia

Momento da atividade educativa realizada no setor de Neurologia da Santa Casa
Na tarde da última sexta-feira (18/05), os Residentes Multiprofissionais de Urgência e Emergência (RMUE) da Santa Casa de Misericórdia de Sobral/UNINTA, realizaram um encontro com os acompanhantes  do setor de Neurologia do hospital. Na oportunidade, foram abordados temas voltados para os direitos, deveres e atuações enquanto cuidadores, enfatizando a importância destes para a melhor qualidade de vida e prognóstico dos pacientes, além da abordagem sobre   as normas e rotinas do hospital e do setor.

Na ocasião, os residentes do Programa de Residência Multiprofissional em Urgência e Emergência (RMUE): Ana Beatriz Melo (Farmacêutica), Breno Cavalcante (Enfermeiro), Gyselle Lima (Nutricionista), Helton Arcanjo (Enfermeiro), Samara Macêdo (Enfermeira), Thassyttha Moreira (Fisioterapeuta), juntamente com a coordenadora do setor, a Enfermeira Sandra Melo, e as Enfermeiras Otília Raquel e Carolina Albuquerque, conduziram o momento e ofereceram um café da tarde para os acompanhantes. 
Colaboração: Samara Macêdo (Enfª. Residente/RMUE-SCMS/UNINTA)

domingo, 20 de maio de 2018

E o domingo na Farmácia...

E no domingo, quando se está doente e o caso não suscita atendimento de Urgência/Emergência, a boa e valiosa Farmácia é de grande ajuda, nem que a indicação e a posologia medicamentosa seja DATILOGRAFADA em uma MÁQUINA DE ESCREVER REMINGTON, na fita vermelha.

Hospital Regional Norte sensibiliza mães sobre doação de leite materno


O Hospital Regional Norte (HRN), em Sobral, é referência no atendimento neonatal e tem um Banco de Leite Humano responsável pela coleta, pasteurização e distribuição do leite materno para os bebês internados. Por mês, só para a UTI Neonatal, são necessários 40 litros de leite materno. A demanda é constante para atender os bebês internados no hospital, distribuídos nos 10 leitos na UTI Neonatal, 25 na Unidade de Cuidados Intermediários (UCI) e nove leitos na Enfermaria Mãe Canguru.
Uma das mães que está contribuindo com essas doações é a dona de casa Glauciana Ribeiro, de 25 anos, moradora de Sobral. Ela acompanha o filho Daniel, que deu entrada na emergência do Hospital Regional Norte no dia 3 de abril. A criança teve que passar por uma cirurgia para retirada de uma hérnia inguinal (na região da virilha). Atualmente, o bebê está na Enfermaria Mãe Canguru. O recém-nascido desenvolveu Alergia à Proteína do Leite de Vaca (APLV) e, no momento, se alimenta apenas do leite de fórmula. “O meu filho não está podendo mamar, mas têm outras crianças que precisam muito. Mesmo ele não podendo mamar nesse momento, sinto alegria. Quando meu filho nasceu, ele precisou também receber leite materno de doação. É uma retribuição e ao mesmo tempo um sentimento de alegria poder doar”, declara Glauciana Sales, acompanhada do esposo Clinton Ribeiro.
Ambulatório do Banco de Leite
Todas às terças-feiras, o ambulatório de Aleitamento do Banco de Leite do HRN recebe mães e bebês para consultas de acompanhamento da amamentação e desenvolvimento da criança.“A gente faz uma triagem das mães que tiveram filhos aqui no hospital. É feita uma análise daquelas mães que têm o maior risco de evoluir para um desmame precoce. Para evitar isso, a gente inclui essas mulheres no Ambulatório de Aleitamento do Banco de Leite”, destaca a médica pediatra Izabella Tamira. No HRN, mãe e bebê passam pela consulta com a equipe de enfermagem, para ensinar a posição adequada para a amamentação, como realizar o aleitamento, entre outros cuidados. Em seguida, as pacientes são encaminhadas para consultas com a médica pediatra, paralelamente com a toda a equipe multidisciplinar do BLH. A intenção é promover o aleitamento materno exclusivo até os seis meses e, como forma complementar, até os dois anos de idade. “No ambulatório a gente faz o atendimento de pediatria geral, as consultas de puericultura (assistência para promover e proteger a saúde das crianças, através de uma atenção integral) e, quando tem alguma demanda do paciente (criança), se houver alguma intercorrência, a gente já trata também”, ressalta Izabella.

A coordenadora do Banco de Leite do HRN, Samara Andrade, reforça que os benefícios para uma criança amamentada são para a vida toda. “Durante a infância o alimento protege contra doenças infecciosas, respiratórias e diarreias. Já na fase adulta, os estudos comprovam que diminui o risco de surgimento das doenças crônicas, como a obesidade, hipertensão e diabetes, além de contribuir para desenvolvimento intelectual e sustentabilidade do planeta (menor produção de lixo não orgânico)”, afirma.
Campanha de Doação de Leite Humano
Neste sábado, 19 de maio, é celebrado o Dia Mundial de Doação de Leite Humano. Em alusão à data comemorativa, o Banco de Leite Humano do Hospital Regional Norte programou diferentes ações em parceria com a atenção básica do município de Sobral. As atividades ocorreram nos dias 8 e 16 de maio, com visita guiada no HRN, roda de conversa, coleta de leite materno e capacitação dos profissionais do Centro de Saúde da Família, enfermeiros e agentes de saúde, em manejo clínico na amamentação e coleta segura domiciliar.
Serviço:
Banco de Leite Humano do HRN
Atendimento: segunda a sexta-feira, das 8 às 11h e 14 às 17h
Local: Hospital Regional Norte - Av. John Sanford, 1505, Junco, Sobral
Informações: (88) 3677-9467

Fonte: Assessoria de Comunicação do HRN

sexta-feira, 18 de maio de 2018

Serviço de Urologia da Santa Casa realiza atividades de formação para médicos residentes e internos do hospital

Grupo de médicos urologistas da Santa Casa que estão realizando acompanhamento aos residentes e internos na Santa Casa
A Santa Casa de Misericórdia de Sobral conta com mais um serviço estruturado onde estão sendo realizadas atividades de formação médica. Trata-se do Serviço de Urologia, que vem desenvolvendo uma programação científica e de acompanhamento aos médicos residentes e aos internos da Cirurgia Geral. 
Como parte de suas atividades de ensino, os médicos urologistas da Santa Casa: Dr. Rafael Arruda, Dr. Leonardo Aragão, Dr. João Pompeu,  Dr. Luiz Antonio Solon, Dr. Bruno Mapurunga, Dr. Severino Queiroz, e Dr. Irismar Azevedo realizam visitas diárias à beira do leito na enfermaria clínica/cirúrgica dos pacientes urológicos, acompanhados de médicos residentes e internos, além de interconsultas.
Momento de atividade científica realizada no DEPE da Santa Casa de Misericórdia de Sobral
Também estão contempladas as reuniões semanais científicas, como Clube de Revista, onde são discutidos artigos científicos e apresentados casos clínicos da Urologia/Cirurgia, com a presença dos médicos especialistas da Urologia e médicos convidados das diversas áreas da Cirurgia Geral.  
Afora os momento realizados na Santa Casa, também acontecem atividades de acompanhamento ambulatorial no Centro de Especialidades Médicas (CEM). Além dos médicos residentes, do Programa de Residência Médica da Cirurgia Geral da UFC/SCMS, as atividades também contemplam os internos em estágio das escolas médicas da UFC/Sobral e UNINTA, proporcionando uma harmônica integração institucional e profissional entre os estudantes do serviço.

Equipe do Centro de Imagem da Santa Casa de Sobral/Chromos participa do maior Congresso de Radiologia da América Latina


Equipe de médicos e de técnicos da Santa Casa de Sobral presentes ao evento em São Paulo
Nos dias 3 a 6 de maio, de 2018, em São Paulo, aconteceu o maior Congresso de Radiologia e diagnóstico por imagem da América Latina, a JPR 2018 (Jornada Paulista de Radiologia). Este é um evento científico com a participação de grandes nomes da Radiologia e uma feira tecnológica com o que há de mais moderno na área. Estiveram presentes ao congresso os doutores: Thiago Saraiva, Kenard Brito e Fábio Patrício, representando a Chromos Imagem e o Centro de Imagem da Santa Casa, bem como a Enfermeira Adriana do Vale (Coordenadora do Centro de Imagem da SCMS)​ e sua equipe de Técnicos em Radiologia, representados por Geísa Barbosa, Joelma Lima e Neto Eufrásio
Durante o congresso, houve busca de atualizações em protocolos de exames, aquisições de novas tecnologias e compra de novos aparelhos para o parque tecnológico. Além disso, buscou-se discutir com professores renomados como instituir e otimizar novos protocolos de exames (angioTC, angioRM, protocolos de avaliação da próstata e de endometriose por RM). O congresso também permitiu a discussão de alguns procedimentos avançados minimamente invasivos guiados por Tomografia.
Os médicos da Santa Casa de Sobral/Chromos: Dr. Kenard Brito, Dr. Thiago Saraiva e Dr. Fábio Patrício
Em relação às novas tecnologias, os mesmos conheceram novidades que pudessem implementar para facilitar a logística de atendimento e aumentar a comodidade do paciente e dos médicos solicitantes. Em breve, um novo sistema irá modernizar a forma como o paciente terá contato com o exame que tiver realizado, estreitando o relacionamento entre radiologia,médico solicitante e paciente. Realizou-se também pesquisas para a compra de novos equipamentos para atualizar o parque tecnológico. Alguns já foram adquiridos na própria Jornada e chegarão em breve para a melhoria do atendimento.
O Departamento de Ensino Pesquisa e Extensão (DEPE) da Santa Casa de Misericórdia de Sobral (SCMS), com o apoio dos Médicos Radiologistas (Chromos) e colaboradores do Centro de Imagem da SCMS, visando um desenvolvimento mais próximo entre profissionais como mais um desafio, foram incentivados na logística deste evento, visando buscar novas técnicas e tecnologias para promover melhores benefícios no atendimento ao paciente, através de imagens.
¨Foram quatro dias muito intensos, onde levamos necessidades dos nossos pacientes para as quais estamos trazendo resolução¨, afirma Dr. Thiago Saraiva. ¨Buscamos fortalecer nosso parque tecnológico com novas aquisições, novos investimentos, tudo visando o diagnóstico mais preciso para nossa população¨, afirma Dr. Kenard Brito. ¨A realidade é que a Radiologia permite que a melhor prática seja realizada através da tecnologia que já possuímos e de um pouco mais que já iniciamos¨, afirma Dr. Fábio Patrício. ¨Os avanços que tivemos nos últimos meses nos fizeram ver que podemos melhorar a assistência ao paciente. O congresso foi muito útil para nos auxiliar a implementar muitas novidades que já começamos a pôr em prática¨, complementou Enfª. Adriana do Vale.

Texto: Enfª. Adriana do Vale (Coordenadora do Centro de Imagem da SCMS)​

Dia Nacional da Luta Antimanicomial 18 de Maio - Secretaria da Saúde


Secretaria da Saúde realiza Campanha Nacional de Hanseníase, Verminoses, Tracoma e Esquistossomose


A Escola Netinha Castelo recebe entre os dias 16 e 17 de maio, ações da V Campanha Nacional de Hanseníase, Verminoses, Tracoma e Esquistossomose. Essa ação tem como público-alvo os alunos de 5 a 14 anos de idade, matriculados no ensino fundamental.
Além informar os estudantes sobre os sinais e sintomas dessas doenças, assim facilitando o diagnóstico precoce e o tratamento imediato, a campanha tem como objetivo fazer busca ativa de casos novos de hanseníase, exames para detecção e tratamento dos casos de tracoma em escolares e verminoses, o tratamento dos alunos podem ocorrer de forma particular ou coletiva.
O aluno da Escola Netinha Castelo, Amoha Maia, falou sobre a importância de ocorrer essas palestras na escola. “Acho importante esse tipo de roda de conversa porque tem muita gente que pode ter os sintomas dessas doenças e não saber o que é, muitas vezes achamos que pode ser só uma mancha besta ou uma vermelhidão nos olhos e se investigar pode ser algo mais sério”, afirmou.
O aluno também falou sobre o material de apoio distribuído pela Secretária da Saúde. “O material gráfico junto com a palestra foi muito importante, pois sempre que ia até a unidade de saúde olhava o cartaz, mas não entendia muito o que estava escrito, essas palestras com auxílio de imagens foram esclarecedoras”, finalizou.
Além informar os estudantes sobre os sinais e sintomas dessas doenças favorecendo o diagnóstico precoce e o tratamento imediato, a Campanha tem o objetivo de fazer busca ativa de casos novos de hanseníase, exames para detecção e tratamento dos casos de tracoma em escolares, profilaxia para as geo-helmintíases, exame parasitológico de fezes para esquistossomose, tratamento dos escolares e, se indicado, exames e tratamento dos seus contatos.
A Secretaria da Saúde, em parceria com a Secretaria de Educação estão realizando a campanha em 31 unidades escolares do município. No total, mais de 22 mil alunos participaram da campanha até o dia 30 de junho.
Conheça um pouco das doenças que fazem parte da busca ativa da campanha
Hanseníase – Doença infecciosa causada pela bactéria Mycobacterium leprae. Atinge principalmente a pele e os nervos de pessoas de qualquer sexo, idade ou classe social. Se não for tratada, a doença pode causar diversas deformidades pelo corpo.
Verminoses – Infecções causadas por parasitas que se instalam no interior do corpo. As verminoses podem causar dores abdominais, diarreias frequentes, anemia, palidez excessiva, perda de peso, barriga inchada e sangramentos intestinais. Em crianças, pode haver dificuldade de aprendizagem e retardo no crescimento.
Tracoma – Doença bacteriana que acomete os olhos. Se não for tratada, pode prejudicar a visão e causar cegueira. Os olhos de pessoas afetadas pelo Tracoma podem apresentar vermelhidão, lacrimejamento, coceira, irritação, secreção, sensação de corpo estranho e intolerância à luz. Em alguns casos, não há manifestação de sintomas.

quinta-feira, 17 de maio de 2018

Santa Casa realiza lançamento do livro Práticas de Ensino, Pesquisa e Extensão no Contexto Hospitalar

Da esquerda para direita: Enfª. Gabriela Miranda, Prof. Dr. VIcente Pinto, Prof. Msc. Henrique Linhares, Profª Msc. Denise Nogueira e Profª Dr. Manoel Odorico
Na noite da terça-feira (15/05), como parte da programação da XVIII Jornada da Enfermagem da Santa Casa de Misericórdia de Sobral (SCMS), através da Departamento de Ensino Pesquisa e Extensão (DEPE), aconteceu o lançamento do livro  Práticas de Ensino, Pesquisa e Extensão no Contexto Hospitalar, tendo como organizadores os colaboradores do DEPE/SCMS: Denise Nogueira, Henrique Linhares, Keila Ponte, Lia Gomes, Renaud Aguiar, coordenados pelo Prof. Dr. Vicente Pinto. O momento contou com a ilustre presença do Prof. Dr. Manoel Odorico de Moraes e o público presente à abertura do evento.
A publicação conta com o apoio do Provedor do Santa Casa, Dom José Luiz Gomes de Vasconcelos, do Diretor Geral, Pe. Francisco Júnior Melo, do Diiretor Financeiro, Pe. João Bosco Arruda Linhares, do Diretor Técnico, Dr. Cristiano Araújo Costa, o ex- Diretor Clínico, Dr. Cadmo Silton Andrade Portella, e a Diretora de Enfermagem, Lucila Maria Albuquerque. Vale destacar, que o DEPE, com o valioso apoio da Administração Geral, já proporcionou publicações de obras voltadas para a sistematização da assistência nos serviços de Cirurgia Geral, Anestesiologia, Neonatologia, Pediatria e para a Obstetrícia.
Enfª. Lia Gomes e Prof. Msc. Renaud Aguiar organizadores da publicação
Além dos organizadores, a obra recebeu contribuições valiosas de colaboradores e ex-colaboradores: Vanderley Moreira, Maria Gabriela Miranda, Carlos Romualdo Carvalho, Otávia Aragão e Paulo Henrique Alexandre. O prefácio traz a assinatura do Prof. Dr. Gerardo Cristino, do Curso de Medicina de Sobral da UFC, atual Secretário da Saúde de Sobral. Pela ocasião do lançamento do livro, o Prof. Dr. Vicente Pinto agradeceu a colaboração de todos que se empenharam para que os processos e a sistematização das práticas de ensino, pesquisa e extensão no hospital pudessem ser publicados.
Momento do lançamento no auditório do DEPE da Santa Casa
Na introdução da obra, o Diretor Geral da Santa Casa de Sobral, Pe. Francisco Júnior Melo, destaca a relevância da publicação. "O livro "Práticas de Ensino, Pesquisa e Extensão n contexto hospitalar surge como uma proposta de discutir  com o leitor estratégias de sistematização das atividades e ensino, pesquisa, extensão educação permanente em unidades hospitalares, sob a égide das normatizações dos hospitais de ensino no Brasil. Para tanto, torna-se relevante, inicialmente, considerar o contexto dessas instituições na prestação da assistência e formação em saúde", ressalta Pe. Francisco Júnior Melo.
Prof. Dr. Manoel Odorico de Moraes e Prof. Dr. Vicente Pinto durante lançamento no DEPE/SCMS
Capítulo II
Hospital de Ensino na Santa Casa de Misericórdia: A semente que germinou das mãos responsáveis de bons semeadores
A Santa Casa de Misericórdia de Sobral tornou-se Hospital de Ensino, de forma legal e efetiva, no dia 10 de outubro de 2007, através da Portaria Interministerial nº 2.576. Entretanto, a sua vocação para o ensino começa bem antes, em 1970, com a chegada das primeiras acadêmicas do Curso de Enfermagem da Universidade Estadual Vale do Acarau (UVA), para desenvolver parte de formação na Maternidade Sant’Ana do hospital. As primeiras enfermeiras, que tiveram a Santa Casa de Sobral como campo de estágio, foram as pioneiras em um processo de ensino que passa a ser sistematizado com a criação da comissão científica, na década de 90, sob a orientação dos médicos João Barbosa Pires de Paula Pessoas (Dr. Pessoa – Professor Catedrático da Faculdade de Medicina da UFC em Fortaleza) e Gerardo Cristino Filho (Professor e primeiro coordenador do Curso de Medicina da UFC-Campus de Sobral).
Neste período chegam ao hospital os primeiros internos oriundos do Curso de Medicina da UFC de Fortaleza, incentivados pelo Dr. Pessoa a uma empreitada desbravadora e acolhidos em Sobral pelo Dr. Gerardo Cristino Filho. Foram eles os mentores e responsáveis pela implantação da Comissão Científica, que deu os primeiros passos para normatizar a formação dos profissionais da saúde, tendo o Curso de Enfermagem da Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA), como fomentador do primeiro momento. 

Enfª. Gabriela Miranda, Profª Drª Keila Ponte, Enfº Romualdo
Em seguida, sob a orientação do Prof. Dr. Gerardo Cristino Filho, com o apoio da funcionária Luzia Aragão, foram estabelecidos protocolos de ensino e formalizadas parcerias, para que a Santa Casa passasse a receber internos e médicos residentes do Curso de Medicina da Universidade Federal do Ceará (UFC), de Fortaleza. Com a chegada do Curso de Medicina de Sobral da UFC, em 2001, a semente da Comissão Científica, plantada pelo Dr. Pessoa, já havia germinado e a Santa Casa encontrava-se preparada para receber os futuros médicos, na condição de hospital de ensino, de fato, mas ainda não de direito. A consolidação da Santa Casa, como hospital de ensino, finalmente se deu com a implantação dos Programas de Residências Médicas, amparados pela UFC, e a entrada dos primeiros alunos do Curso de Medicina de Sobral em estágio do Internato, em 2005. A partir deste momento houve a necessidade de um espaço no hospital para catalisar as ações de formação e organizar o ensino. Surge, então, o Departamento de Ensino, Pesquisa e Extensão (DEPE). Nesta caminhada, de pouco mais de dez anos, vale destacar, em momentos distintos, o trabalho e o empenho de três diretores na implantação e consolidação do ensino no hospital. Enfrentando dificuldades e resistências, superando obstáculos, olhavam sempre à frente. Como tudo o que é novo, foram desafiados a construir e pôr em prática um processo de formação baseado no binômio ensino e assistência de qualidade.
A primeira etapa acontece sob a coordenação da Enfermeira e Profª. Regina Célia Carvalho. Sob a direção geral do Pe. José Edmilson Eugênio Nascimento, foram firmados novos convênios com as instituições de ensino superior em Sobral: Universidade Federal do Ceará (UFC) e Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA). A primeira, com demandas voltadas para o Curso de Medicina de Sobral e a segunda para o Curso de Enfermagem. Assim, o espaço do hospital, antes denominado setor técnico, passou a abrigar o Departamento de Ensino, Pesquisa e Extensão (DEPE). Nesta fase, mesmo de forma precária, são estruturadas salas de aulas e de administração, biblioteca, uma estação para aulas práticas e um repouso para os internos do Curso de Medicina de Sobral.

Enfª. Lia Gomes durante momento de autógrafo

Neste interim, preparado com uma estrutura mínima para o ensino, com acadêmicos e médicos residentes já em processo de formação nos vários serviços clínicos e cirúrgicos, a Santa Casa de Sobral submete-se a duas visitas do Ministério da Educação e Ministério da Saúde em busca da certificação como hospital de ensino, 2005 e 2006 respectivamente. Sem lograr êxito, a direção geral do hospital, juntamente com a direção do DEPE, concentram esforços na melhoria dos pontos fracos relatados pelos técnicos ministeriais. Em sua terceira tentativa, corrigidas as inconformidades detectadas, o hospital recebeu nova visita de acreditação, que resultou em sua aprovação. Desde então, a Santa Casa de Misericórdia de Sobral entrou para o seleto grupo dos hospitais de ensino do País. No dia 10 de outubro de 2007, através de Portaria Interministerial nº 2.576, do Ministério da Saúde da Educação, a Santa Casa de Misericórdia de Sobral passou a ser o primeiro hospital de ensino do interior do Estado do Ceará.  É um momento para celebrar e reconhecer todo o empenho e esforços dos agentes envolvidos no processo de certificação.
A partir do credenciamento, e de todos os processos voltados para a formação nas diversas modalidades profissionais devidamente normatizados, uma nova fase tem início no hospital, em 2011. É o momento de mudanças na infraestrutura do DEPE, tendo à frente um novo diretor; o médico nefrologista e Professor do Curso de Medicina da UFC – Campus de Sobral, Dr. Luiz Derwal Salles Júnior. Além das atribuições da competência do cargo, ele capitaneou as mudanças estruturais e o DEPE passou por uma grande reforma para a melhoria de seus espaços. Através do trabalho laborioso do Dr. Luiz Derwal Salle Júnior, que teve início ainda na administração do Pe. José Edmilson Eugênio Nascimento e concluído sob a direção do Pe. Francisco Júnior Melo, a Santa Casa recebeu um novo Departamento de Ensino, Pesquisa e Extensão, ampliado e modernizado, inaugurado no dia 12 de dezembro de 2014. Ainda na sua gestão foram firmados convênios com outras instituições formadoras da iniciativa privada, entre elas as Faculdades INTA e as Faculdades Luciano Feijão.
Até aí, todas as ações realizadas na Santa Casa de Sobral, voltadas para o ensino, pesquisa e extensão e que resultaram em avanços e ganhos na assistência e no ensino, contaram com o pronto apoio e contribuições significativas de todos os provedores que já conduziram a Santa Casa de Misericórdia de Sobral até o momento: Dom Aldo de Cillo Pagoto (1998-2004), Dom Fernando Antonio Saburido (2005-2009) e Dom Odelir José Magri (2010-2015). Atualmente, sob a benção do bispo diocesano e provedor, Dom José Luiz Gomes de Vasconcelos, e fecunda administração do Pe. Francisco Júnior Melo, o DEPE vem sendo coordenado pelo Prof. Dr. Vicente de Paulo Teixeira Pinto, Professor Titular do Curso de Medicina da UFC – Campus de Sobral. Sua gestão tem início em agosto de 2015, com a proposta de organização dos processos de trabalho e da consolidação das práticas de ensino, de pesquisa e extensão.


Colaboradoras do Departamento de Ensino, Pesquisa e Extensão (DEPE) da Santa Casa
Nos últimos dois anos, o DEPE vem trabalhando o processo de regulamentação das práticas hospitalares, organização dos fluxos dentro do hospital, considerando os regulamentos, normas e diretrizes de educação permanente já existentes e outras estabelecidas na nova gestão. É neste contexto que vêm acontecendo os processos de qualificação e capacitação dos colaboradores internos do hospital. Esta formação é uma das premissas para qualificação dos profissionais do hospital, em todos os níveis e categorias, imprescindível para um atendimento e assistência hospitalar de excelência. Neste período foram ampliadas as vagas e o número de vagas e de programas de residência médica, implantados os primeiros Programas de Residência Multiprofissional: Urgência e Emergência e Neonatologia e credenciado o Comitê de Ética em Pesquisa.
Nesta gestão, iniciou-se nova fase de interlocução entre a direção de ensino e as instituições conveniadas, as coordenações de serviços, as representações docentes e discentes e a sociedade civil organizada, buscando-se um diálogo colaborativo com o único propósito de oferecer uma assistência de qualidade a todos os usuários do Hospital, tendo como esteio um processo de ensino também de qualidade. Por fim, pela ocasião comemorativa dos 10 anos da Santa Casa de Misericórdia de Sobral, enquanto Hospital de Ensino, é pertinente apropriar-se do aforismo do médico sobralense, Dr. José Galba de Araújo (1917-1985), que diz: “O homem imortaliza-se por suas ideias”. Indo além desta máxima, acrescente-se às ideias a realização destas.
Isto posto, a Santa Casa de Misericórdia de Sobral, através do DEPE, imortaliza o idealizador deste hospital pensado além da assistência; o médico Dr. João Barbosa de Paula Pires Pessoa (Dr. Pessoa). É ele quem empresta o nome à estrutura física do departamento. Uma homenagem ao pioneiro e sistematizador do processo de ensino, pesquisa e extensão no nosocômio fundado por Dom José Tupinambá da Frota, em 25 de maio de 1925. Dr. Pessoa imortalizou-se pela sua obra e exemplo de vida. Outros, nas variadas categorias profissionais e importantes colaboradores para a efetivação da Santa Casa como hospital de ensino de referência, devem ser elevados à categoria de “construtores do saber”.
 Todo este conjunto de esforços e todo o empenho desprendidos para a concretização de um ideal perseguido há décadas, faz da Santa Casa um hospital de ensino moderno, vigoroso e fértil. Hoje, os seus frutos, os profissionais da saúde que tiveram nele a sua formação, espalham-se por todo o Estado do Ceará, pelo País e pelo mundo. Inerente à sua natureza pioneira, a Santa Casa de Misericórdia de Sobral, juntamente com o DEPE, comemora uma década de bom cultivo da sua lavra, tão bem cuidada  pelas mãos responsáveis de bons semeadores. Em júbilo, celebra irmanada com todos que contribuíram tenazmente para a realização de uma ideia. Alegra-se, mas na certeza de que há muito, ainda, o que se fazer pelo ensino, pesquisa e extensão no hospital. Mas, se até aqui o Senhor ajudou, tudo é possível com trabalho, dedicação e fé naquele que nos fortalece. (Antônio Vanderley Moreira)
 



EDITAL SMS Nº 21/2017 QUARTO TERMO DE CONVOCAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO


PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE EXCEPCIONAL INTERESSE PÚBLICO E FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA DE PROFISSIONAIS DE NÍVEL MÉDIO E TÉCNICO DA SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE DE SOBRAL NOS TERMOS DA LEI MUNICIPAL DE Nº 1613 DE 09 DE MARÇO DE 2017 E DO DECRETO DE Nº 1938, DE 11 DE SETEMBRO DE 2017.

Mais informações acesse o link a seguir:

EDITAL SMS Nº 01/2018 - RESULTADO PRELIMINAR DA TERCEIRA ETAPA DO PROCESSO SELETIVO


PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA GERÊNCIA DOS CENTROS DE SAÚDE DA FAMÍLIA E OUTRAS GERÊNCIAS DE SERVIÇOS DA ATENÇÃO PRIMÁRIA (ACADEMIAS DA SAÚDE, PROGRAMA MELHOR EM CASA, PROGRAMA SAÚDE NA ESCOLA, ESTRATÉGIA TREVO DE QUATRO FOLHAS E NÚCLEO DE APOIO À SAÚDE DA FAMÍLIA) DO MUNICÍPIO DE SOBRAL.
Mais informações acesse o link a seguir:

Dica do blog | Ministério da Saúde


Bebês são fotografados com capas de super-heróis no Hospital César Cals



Nesta quinta-feira, 17, às 9h30, integrantes da Residência Integrada em Saúde do Hospital Geral Dr. César Cals (HGCC), do Governo do Ceará, promoverão um momento especial em homenagem às mães e aos bebês internados. A iniciativa faz parte da ação “Meu pequeno grande herói”, uma proposta de realizar o primeiro registro fotográfico do bebê, com intuito de fortalecer o vínculo entre mãe e filho e a saúde emocional da família que vivencia a situação de internamento. Durante o encontro, serão entregues as fotos em moldura e haverá distribuição de brindes, sorteios, momentos de interação com a família, entre outras atividades lúdicas.

quarta-feira, 16 de maio de 2018

Santa Casa de Sobral realiza a sua XVIII Jornada da Enfermagem e a III Jornada Multiprofissional

Na noite desta terça-feira (15/05), teve início início a XVIII Jornada da Enfermagem da Santa Casa, a III Jornada Multiprofissional da Santa Casa de Misericórdia de Sobral (SCMS) e o I Fórum de Pesquisa, com o tema "Contribuição da Pesquisa Científica em Hospitais de Ensino", que faz parte da programação de comemoração dos 93 anos do Hospital. A solenidade de abertura das jornadas contou com a presença de profissionais de Enfermagem, estudante da graduação e pós-graduação, docentes, residentes multiprofissionais, pesquisadores e profissionais de outras categorias da área da saúde e convidados.

O evento aconteceu no auditório do Departamento de Ensino, Pesquisa e Extensão (DEPE) da Santa Casa. A direção do Hospital esteve presente à mesa de solenidade do evento, sendo representada pelo Dr. Cristiano Araújo (Diretor Técnico/SCMS), juntamente com a Enfermeira Lucila Albuquerque (Diretora de Enfermagem),  Prof. Msc. Henrique Linhares (Presidente da Jornada), Profª Izabelel Mont'Alverne (Vice-Reitora da UVA),  Dr. David Neto (Diretor do Hospital do Coração/SCMS) e o palestrante da noite, Dr. Manoel Odorico Moraes (Coordenador do Núcleo de Pesquisa e Desenvolvimento de Medicamentos da UFC). Em local de honra e destaque, também prestigiaram o evento o Prof. Dr Vicente Pinto (Diretor do DEPE/SCMS), e coordenadores de serviços do hospital.
Na ocasião, os participantes das jornadas foram acolhidos pelos membros da mesa. A Enfermeira Lucila Albuquerque, saudou aos presentes, agradeceu o apoio da Administração da Santa Casa ao evento e desejou uma boa participação a todos nas jornadas. Dr. Cristiano Araújo destacou a relevância dos enfermeiros pelo compromisso, dedicação e empenho na profissão, destacando o importante papel da categoria para a  boa assistência do hospital. Encerrando a cerimônia de recepção aos participantes das jornadas.Durante a programação cultural do evento foi realizada uma apresentação de de chorinho Lágrima da PS, formado por professores e alunos do Curso de Música da UFC/Sobral.
Finalizando a solenidade de abertura do evento, o Prof. Dr. Manoel Odorico de Moraes proferiu a palestra magna intitulada "Pesquisa Científica em Hospitais de Ensino: contribuições e inovações".Na ocasião, ele apresentou os resultados da pesquisa do uso da pele da tilápia como cobertura cutânea nas queimaduras e a sua utilização como promissor biomaterial na medicina regenerativa. 
Durante a palestra o Dr. Manoel Odorico de Moraes apresentou os benefícios da pesquisa para o tratamento das queimaduras para população e a importância do Núcleo de Pesquisa e Desenvolvimento de Medicamentos da Universidade Federal do Ceará (NPD/UFC).


Registro do Momento